Reinado ortográfico

A majestade é rainha soberba porque só sabe reinar com avareza.
A magestade reina humilde porque aprendeu — magnânima — os dons de ser outrem.

Um tem o jota, empinado e petulante, escravo da norma — masculino.
Outra, o gê, grávido e cheio de curvas, camuflada homofonia — feminino.

A majestade tem o poder ereto do falo, arrogante.
A magestade tem o poder repleto de acaso, variante.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: