O Jogo da Serpente

É curioso como, ditas noutra língua, algumas palavras ganham em gravidade.

Não porque o francês lhes dê um grau mais pernóstico, ou o alemão uma propensão maior ao devaneio filosófico – tudo isso não passa de presepada lingüística preconceituosa.

O fato é mais simples: ditas em letra estrangeira, as palavras readquirem a aspereza e as minúcias de um olhar não-automático.

 

“Guidez le serpent vers les aliments

et faites-le grossir.

Il ne faut pas frapper un mur nin la queue”

 

 

Nesses termos, o manual de instruções do jogo do celular ganha ares de sentença moral e de apego à nossa perecível vidinha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: